Vale Indústria 4.0 – Acreditação de Entidades

Vale Indústria 4.0 – Acreditação de Entidades
O Vale Indústria 4.0 tem por objetivo promover a definição de uma estratégia tecnológica própria, com vista à melhoria da competitividade da empresa, alinhada com os princípios da designada ‘Indústria 4.0′.
Pretende-se com esta medida a transformação digital através da adoção de tecnologias que permitem mudanças disruptivas nos modelos de negócio de PME (como a contratação de sites de comércio electrónico ou softwares de gestão fabril a prestadores certificados). Estes vales têm o valor unitário de 7500 euros, deverão apoiar mais de 1500 empresas e representam um investimento público de 12 milhões de euros.

 

Critérios de elegibilidade dos beneficiários (para além dos gerais):

• Não ter projetos aprovados na mesma prioridade de investimento;
• No caso do Vale Inovação/Indústria 4.0, não ter projetos aprovados na prioridade de investimento Qualificação PME.

São beneficiários desta medida as PME de qualquer natureza e sob qualquer forma jurídica.

Incentivo Não Reembolsável (INR) 75% com limite de €7.500.

Poderão ser consultadas as especificidades do Vale Inovação nos artigos 40.º ao 58.º da Portaria n.º 57-A/2015 de 27 de Fevereiro.

O artigo 17.º, o RECI veio estabelecer um mecanismo de acreditação das entidades prestadoras de serviços no âmbito dos “Vales”, enquanto instrumento de transparência e promoção da qualidade do serviço prestado.

Para que as entidades consultoras venham a prestar serviços de assistência técnica às empresas, no âmbito do Vale Indústria 4.0, terão que se acreditar através de preenchimento de formulário próprio disponibilizado no site:www.poci-compete2020.pt/concursos.
Concursos:
Está neste momento a decorrer o Aviso 1/SI/2017  – Processo de Acreditação de Entidades para Prestação de Serviços de Inovação – Projeto Simplificado “Vale Indústria 4.0”. A apresentação de candidaturas poderá ser feita até 31 de março de 2017 (19 horas).

Administrator